A cidade de Jaraguá tem mais motivos pra comemorar desde que o Hospital Estadual de Jaraguá Dr Sandino de Amorim (Heja), unidade de saúde do Governo de Goiás, retomou a rotina de partos. Na manhã desta quarta-feira, 25, nasceram os gêmeos Murilo e Alexandre em um parto cesáreo sob assistência das equipes médica e multidisciplinar do local.

A mãe dos bebês é a costureira Lucineide da Costa Marques, que fez o pré-natal na rede pública de saúde e foi atendida prontamente quando apresentou as dores do parto durante a madrugada. A irmã dela, Roneide da Costa Marques, que a acompanha no hospital diz que recebeu atendimento rápido e preciso para garantir a saúde dela e dos bebês. “Todos foram muito atenciosos e deram toda atenção desde que ela chegou e até agora depois do nascimento”, conta.

Lucineide, aos 38 anos, já tem um filho de uma união anterior e o marido, Reginaldo, que também é costureiro, tem outros dois filhos. Somente o pai das crianças tem caso de gêmeos na família, o que despertou a atenção dos médicos que fizeram o parto.

Desde o início do ano, quando o Heja retomou o atendimento a parturientes, já foram mais de 200 nascimentos na unidade. A diretora de humanização do hospital, Camila Marques, ressalta a alegria que todas as equipes têm com as crianças que nasceram nesse período. “São momentos de grande alegria para todos. As equipes se desdobram para dar a melhor assistência. Nossa meta é prestar um serviço de saúde cada vez mais humanizado e de excelência para nossa população”, frisa.

A tia dos bebês, Roneide, agradeceu o atendimento de toda a equipe e elogiou a dedicação e profissionalismo que todos demonstram. “Minha irmã foi muito bem atendida, recebeu toda assistência, tantod os médicos que fizeram o parto, do pediatra que cuidou dos bebês, enfermeiras e pessoal de apoio. Atendimento realmente muito bom e só temos a agradecer muito por isso”, finaliza.