Para conscientizar os usuários do HEJA – Hospital Estadual de Jaraguá Dr. Sandino de Amorim sobre o Dia Nacional de Prevenção da Obesidade, foi reservada uma manhã para distribuição de panfletos informativos, frutas e testes para o Índice de Massa Corpórea (IMC). Toda a comunidade hospitalar, colaboradores, pacientes e acompanhantes puderam desfrutar das atividades.

A ação teve como objetivo conscientizar sobre os riscos que a obesidade pode ocasionar na vida das pessoas. “A nossa intenção foi demonstrar que é possível ter uma vida saudável e balanceada com atitudes simples do dia-a-dia, como por exemplo reduzindo o consumo de açucares, frituras e apostando em atividades físicas regulares”, explicou Camila Santos, diretora de humanização e responsável pela ação.

“Esse tipo de ação é importante tanto na prevenção de possíveis doenças decorrentes da obesidade como também para relembrar que é necessário estar atento a nossa saúde, pois uma mudança de vida tardio pode trazer complicações maiores”, complementou Thiago Costa, diretor administrativo/financeiro do HEJA.

Dia Nacional de Prevenção da Obesidade

O Dia Nacional de Prevenção da Obesidade foi instituído pela Lei nº 11.721/2.008, com o objetivo de conscientizar a população sobre a importância da prevenção da obesidade.

A obesidade é o acúmulo de gordura no corpo causado quase sempre por um consumo de energia na alimentação, superior àquela usada pelo organismo para sua manutenção e realização das atividades do dia-a-dia. Ou seja: a ingestão alimentar é maior que o gasto energético correspondente.

É uma doença crônica que tende a piorar com o passar dos anos, caso o paciente não seja submetido a um tratamento adequado e contínuo. Além de reduzir a qualidade de vida, pode predispor a doenças como diabetes, doenças cardiovasculares, asma, gordura no fígado e até alguns tipos de câncer. A Organização Mundial da Saúde (OMS), inclusive, aponta a obesidade como um dos maiores problemas de saúde pública no mundo.