Hospital Estadual acolhe gestantes e faz partos humanizados. Mães dão nota 10 para atendimento

O Hospital Estadual de Jaraguá Dr Sandino de Amorim (HEJA) mantém seu cuidado às grávidas e parturientes da cidade e região. Partos normais e cesáreos voltaram a ser feitos desde o início do ano e garantem segurança e comodidade para mulheres que escolhem a cidade para darem à luz seus filhos.

A diretora de Humanização do HEJA, Camila Santos explica que as equipes de profissionais de todos os setores foram capacitados para acolher essas gestantes e darem toda assistência possível. “Temos um serviço de acompanhamento durante a gestação e que prepara essas mulheres para seus partos dentro de suas condições clínicas com a melhor assistência possível”, explica.

Érica Borges da Silva, 19 anos, deu à luz sua segunda filha em parto normal nessa terça-feira, 25 e na manhã dessa quarta-feira já estava de alta indo embora com a criança. Yorrana Victória Borges de Oliveira é mais uma criança nascida em Jaraguá sob assistência dos profissionais do HEJA. A mãe é da cidade e escolheu o Hospital Estadual para o parto e os primeiros cuidados à filha.

Ela elogia o cuidado recebido por todos a equipe multiprofissional do HEJA e se derrama de elogios. “Todos tratam muito bem a gente no momento em que precisamos de atenção. Desde médicos, enfermeiros, técnicos e todos os outros dão uma atenção excelente. Toda hora tinha gente olhando e acompanhamento. Nota 10 para o tratamento que deram pra nós”, resume.

Camila Santos frisa que os profissionais do HEJA passam por constantes momentos de capacitação visando aprimorar os procedimentos para com o público que necessita da atenção no hospital. “Temos uma meta de entregar uma assistência sempre melhor e humanizada”, finaliza.

Essa matéria foi originalmente publicada no Diário da Manhã.